17 de jun de 2009

A crise e seus sinais I

O cão trabalha. E o trabalho dele é ótimo.

Por quê?


Tá... a pessoa pode tá até necessitada (a crise ainda está aí rondando), mas há coisas que nem ela explica.
Não bastaram as quase nada apelativas Sexy "Bitches" Dolls [que em tempo, acabam de lançar seu mais novo hit, a "deixa" para o próximo post já]

Adilson José Rodrigues é nosso mais novo integrante da nossa já vasta MPB. Seria possível imaginar que esta frase um dia se formasse?

Você, leitor vagabundo informado, gaste preciosos 3 minutos e 39 segundos, para dar a conferida no hit de nosso amiguinho "Lutador":



"Sou lutador, sou de fé, sou brasileiro. Sou lutador, sou da paz, eu sou guerreiro.", "entoa" Maguila com todo o jeito, hã... peculiar, que já tinha ao falar.

Guerreiros somos nós Magui! Os seus "ouvintes".


13 de jun de 2009

A volta voltada




Tá. Fomos cobrados. Muito cobrados. Até Dona Creuza, que vem lavar roupa aqui de vez enquanto, perguntou: [abre aspas] Deveras sumiço. De tal forma se deu a ausência de vossas pessoas, que a rede mundial de computadores, a chamada internet, se tornou demasiada tediosa para mim. [fecha aspas].

Creuzinha e outros amiguinhos do meu Brasil... podemos abrir o jogo com vocês. Não sumimos simplesmente. Fomos literalmente mandados andar na prancha...

Acham vocês que nossa única atividade remunerada era escrever por aqui? tsc tsc... A crise se avolumava e nós tinhamos que garantir nossa meia no pé nosso pé de meia.

Veja bem, tínhamos uns contatos logo ali no Tio Sam, que nos fizeram uma proposta bem interessante: Bora vender muamba? Vamos vender produtos de ótima qualidade a preço de custo? Tá, pegamos o ofício foi certo! Eles mandavam diretamente a nós, e faziamos a felicidade das usuárias bregas de cremes, perfumes, maquilagens, roupinhas, bolsetas, o diabo a 4, além do popular: Trás um Notibuk pra mim, os chamados serviços delivery. Enfim, um lusho que só a "América" trás.

O quê? Impostos? Ah gente, isso são detalhes, detalhes... Se a tia da DASLU pôde, a gente, trabalhadores autônomos podemos também.

Rá! Mas se tem uma coisa que às vezes funciona nesse país bem aqui é a tal da Federal Polícia. Gente... chegaram junto foi certo, tudo por denúncia de uma putasemvergonha Senhorita que não viu os resultados de seu creme facil diário [pensa que é fácil fazer maracujá ficar liso? rá!].

Resultado: Fugimos... Nos exilamos bem ali na região da Chechênia, e ficamos bem quietinhos por ali durante esses quatro meses... Uau, que saudade que deu de falar mal comentar sobre os acontecimentos do nosso Brasil Baronil...

Mas aí meus caros, para seguir a tradição de nosso amado país, um amigo juiz pessoal, devidamente molhado na mão compadecido de nossa situação, nos retirou todas as acusações totalmente infundadas....
O patrocionador refez a proposta para voltarmos a escrever com dignidade [leia-se dinheiro no bolso]
E bingo!!!!!

Voltamos!

VOLTAMOS!


E para alegria geral da nação e total horror de quem bem merece estar na ponta de nossa linguenta, voltamos para ficar.
Então é nos esperar e nos ler. Sempre.